28/12/2008

fim

Ela andava com saudade da caneta e do papel, aqueles que envelheciam em sua escrivaninha de carvalho desde a nova era. Este tempo em que precisara usar a tinta novamente fez com que ela visse o quanto gostava ainda da sua caligrafia. Por isso, e porque não conseguiria mais deixar de escrever suas sensações e desejos, resolveu de um único impulso que a partir daquele momento retornaria às páginas solitárias. Tinha necessidade de aquietar-se um pouco, apesar de desejar que um dia todos aqueles registros pudessem ser interessantes para outros. Mas isso não lhe importava agora, não seria capaz de assistir, quem sabe um dia sentiria de alguma dimensão o quanto valeu a pena. Então, na transparência de sua razão, despediu-se de si mesma naquela forma. O hábito porém lhe trazia um método, de que talvez brincaria um pouco a partir dali, e sob essa expectativa sorriu. Finalizou então o rito e seguiu pra si, que era a única que saberia ao certo os pesos e as medidas.

26/12/2008

7 ondas

saúde pros filhos, familiares e amigos
proteção
sucesso profissional
grana no bolso
paz na mente
amor de sempre
nenhum tombo

16/12/2008

crepúsculo

Intensa minha alegria ao ver o dia chegar ao fim, porque afinal estou viva e os meus também.

E mesmo recorrendo um pouco além, o que tenho me basta, e eu sei.

Mas se a propulsão do crescer é querer, também não polemizo minha mente e desejo sim.

Sempre e mais.

O bom é que sigo, e envolvo-me, e às vezes sofro, e por regra divirto-me.

E assim serei. Serei assim.

12/12/2008

agenda

Hoje tem festa
Amanhã também
Domingo é break, mas vamos ter amigos em casa

Segunda tá lotada de reuniões
Terça tem jantar com Patty e Basque
Quarta é a festa da eii!
Quinta Show da Madonna com Raul e Kátia, bjsssss.
Sexta é o último dia para as férias
Sábadão é churrasco com o pessoal do Discere

Aí viagem, e festa Zelinda Gomes recebe, e mais festa
Depois, um dia antes do ano novo, aniver do Papai
Reveillon
Ressaca

e o batente só dia 5. Eeeeeeeeeee!!!!!!!

08/12/2008

queridos amigos






Final de semana marcado pela melhor manifestação da vida, a amizade. Primeiro fui ao encontro de amigos de tempos, que estiveram comigo pela estrada da infância, a estrada colorida dos momentos de descobertas, risos escondidos e amores ingênuos. A turma do colégio, que estudou junta desde o pré até a 8a série, hoje na sua maioria com 40 anos e muitas histórias e lembranças. Depois revi amigos recentes, conquistados por conta dos nossos filhos, da agora fase de escola deles. Lá ainda fiz amizade nova, querida, que lê o c de jabuticaba sem saber que um dia nos conheceríamos.

Aí, lá se vai meu menino junto de seu amigo pra um final de semana emancipado. Pelo amigo ele ficou feliz, mesmo dividindo saudade das irmãs, e porque não do papai e de mim? Pedro e Luis Guilherme, uma amizade que iniciou e se mantém à distância, percebida na alegria quando os vemos juntos por alguma ocasião, e que faz o Zé, a Cibele,o César e eu nos alegrar também.

Hoje tudo voltou aos seus lugares, aos seus momentos, às suas casas e às suas rotinas, mas com uma leveza diferente, embalada pela boa dose de alegria que a vida nos oferece. A de ter amigos. Bons amigos. Queridos amigos. Sempre, e por todo nosso caminho.

02/12/2008

consciência

Porque insiste em me perseguir? Porque se já te dei minha carne, e carne da minha carne e até minha alma vacila ao teu lado. Será um tipo de doença, de mal? Às vezes vejo claramente onde mexe tua peça, mas no exato instante curvo-me e imploro um perdão como se conseguisses ver através de mim, mesmo sem estar por perto. Sinto-me um santo em vigília. Não quis dizer que não provoco, mas parece que tenho vigia o tempo todo, nos passos do meu pensamento, e nem na solidão do direito que possuo, posso sequer imaginar. Aí persegue-me a culpa, o medo, a angústia de estar certa. Pára, pára por favor. O motivo é tão pequeno e futil, talvez um desagrado?
Liberta-me, porque afinal de contas decidi há tempos. Serei tua, mas preciso de mim.

eu sou

Minha foto
Gosto de boniteza, de arrumação, da moda dos anos 30. De margaridas e pérolas verdadeiras. Gosto da noite, de gente dando risada, do sabor colorido de um prato de feijoada. Gosto de sair e de mudar, gosto de família, de amigos e com eles estar. Gosto de dança e de criança, e gosto muito, muito do mar.