28/07/2014

a doce Manu

Manu nasceu doce,
com olhar de caramelo.
Um anjo na nossa vida,
de cabelinho amarelo.

Tão generosa veio para ser irmã,
companheira da moreninha.
Agora nessa casa temos:
a princesa e a rainha.

Tão bondosa, lábios rosa,
gosta mesmo de comer.
Troca tudo por um biscoito, 
põe os dentinhos a roer.

Por causa disso é gorduchinha.
Um cisco, já anda durinha.
Tá sempre tão alegre,
que sorrir o dia todo ela se atreve.

Lembra muito o vovô,
no jeito, no seu amor.
Encanta com sua calma.
Especial é a sua alma.

Fui presenteada com essa jóia.
À Deus rezo sem cessar,
Para que a sua vida tenha,
sempre o que ter e o que dar.

23 de julho de 2014, seu primeiro aniversário.
Um dia de celebrar!
Assim vai ser para sempre,
Manuela, vamos amar.










eu sou

Minha foto
Gosto de boniteza, de arrumação, da moda dos anos 30. De margaridas e pérolas verdadeiras. Gosto da noite, de gente dando risada, do sabor colorido de um prato de feijoada. Gosto de sair e de mudar, gosto de família, de amigos e com eles estar. Gosto de dança e de criança, e gosto muito, muito do mar.